Justiça perdoa mentiroso confesso, que usou depoimento ao TSE para tentar incriminar Dilma – O Cafezinho

Essa notícia, publicada na Globo agora há pouco, é uma pequena crônica do regime de exceção que vivemos, por culpa de um judiciário descompromissado com os fatos, com a democracia, com a própria Constituição. Serve de lição para o que estamos assistindo com o depoimento de Marcelo Odebrecht ao TSE. É tudo muito parecido. O presidente da Andrade Gutierrez, Otávio Azevedo, disse ao TSE que havia repassado R$ 1 milhão de propina à campanha de Dilma, em 2014. Era uma mentira. Em questão de horas, os advogados de Dilma descobriram que esse mesmo R$ 1 milhão tinha sido diretamente destinados […]

Fonte: Justiça perdoa mentiroso confesso, que usou depoimento ao TSE para tentar incriminar Dilma – O Cafezinho

Anúncios

Um comentário em “Justiça perdoa mentiroso confesso, que usou depoimento ao TSE para tentar incriminar Dilma – O Cafezinho

  1. “Governo e mídia: Expressão maior da hipocrisia que hoje prejudica o Brasil – ASSIM É. PAÍS SEM PUDOR!”
    > https://gustavohorta.wordpress.com/2017/03/03/governo-e-midia-expressao-maior-da-hipocrisia-que-hoje-prejudica-o-brasil/

    “…Parece óbvio que o Poder sempre se dispôs e investiu em dar informações que protegessem e defendessem seus próprios interesses. E esta situação perdurou mesmo quando a tecnologia e a diversidade de objetivos permitiram chegar ao conhecimento das pessoas, a minoria letrada, informações e interpretações diferentes sobre os mesmos acontecimentos.

    Mas a situação que vivenciamos …”

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s